Será que sou… masoquista?

Ontem foi dia de tosquia.

Que é como quem diz, fui cortar o cabelo.

O mesmo corte. No mesmo sítio. Onde vou há anos.

Mas, por muito que me custe admitir, acho que o meu barbeiro está a perder a mão para a coisa (cortar o cabelo, entenda-se).

Isto porque, das últimas vezes que lá vou, acontece sempre a mesma coisa.

O tipo dá-me umas valentes navalhadas no pescoço.

Do tipo de ficar a pele toda vermelha e sensível.

E com alguns pequeninos cortes.

É mesmo chato.

Mas, apesar de isto já acontecer há bastante tempo.

Também há outra coisa que acontece.

Quando saio de lá penso para comigo:

“Tenho de começar a ir cortar o cabelo a outro barbeiro!”

Mas depois a vida continua e os afazeres do dia-a-dia e do negócio tomam conta da minha vida.

E nunca mais penso no barbeiro.

Só volto a lembrar-me quando preciso de cortar o cabelo outra vez.

E aí já é tarde.

Porquê? Porque aí já não tenho tempo de andar à procura de outro barbeiro.

Tenho de cortar o cabelo e pronto.

E lá volto eu ao sítio do costume.

Para ser novamente chacinado.

Será que sou masoquista?

Ou será que sou uma pessoa normal?

Como os nossos clientes.

Cuja vida não é pensar em comprar e vender casas.

(Como a minha não é pensar em barbeiros e cortes de cabelo).

E que, quando pressionado para ter de o fazer (afinal de contas, é o que dá ter um cabelo rebelde), volta a escolher a opção que dá menos trabalho.

Mesmo sabendo que não é a melhor!

Se eu e muitas pessoas outras pessoas o fazem, ou sejam não querem perder tempo a escolher com quem vão trabalhar, o que é que isto quer dizer para o nosso negócio?

Quer dizer – OPORTUNIDADE!

Oportunidade de nos posicionar-mos junto dos clientes como a opção óbvia e mais acertada.

Aquela em que eles não tenham de pensar no assunto e simplesmente avancem.

Porque têm outras coisas em que pensar.

E, para isso, nada melhor que uma newsletter de qualidade.

Que chegue todos os meses com uma consistência e previsibilidade matemáticas.

Sem falhar. Sempre lá a recordar quem é o agente imobiliário que eles devem contactar em caso de necessidade.

Se já tens uma newsletter assim, fantástico!

Já estás no pelotão da frente.

Se ainda não tens e gostavas de ter vai a www.aoseuservico.com.

Um abraço,

– Marco Costa

www.omeunegocioimobiliario.com

PS: Isto não quer dizer que possas fazer um mau trabalho e ter os clientes a vir ter contigo outra vez!!!

Quer dizer, isso pode não funcionar!

Concentra-te em fazer um bom trabalho e a comunicar constantemente com eles. Assim é mais seguro.

PPS: Desta vez, tenho mesmo de mudar de barbeiro! 😉

 

Opt In Image
E-Book Grátis Para Agentes Imobiliários / Corretores de Imóveis
Duplica o Teu Negócio Apenas com Referências

Descobre como alavancar os teus resultados apenas com referências recebidas de antigos e actuais clientes.

Disponível apenas por tempo limitado...